A Eficácia dos Exercícios feitos em Casa

Estudos demonstraram que os exercícios feitos em casa são muito eficientes e benéficos, além disso, contribuem positivamente para as pessoas continuarem um programa de atividade física, seja para perder peso ou melhorar o condicionamento físico. Foi a conclusão de um estudo realizado por pesquisadores da Universidade da Flórida, nos Estados Unidos em 2011.

Os pesquisadores dividiram os voluntários em dois grupos: um grupo de pessoas treinou em casa com a orientação de professores e nutricionistas; o outro grupo de voluntários treinou na academia. As pessoas do primeiro grupo perderam mais peso e conseguiram se manter com um percentual de gordura e peso corporal menor por mais tempo, porque seguiram os conselhos dos especialistas e tinham contato mais frequente com esses profissionais. Os do segundo grupo, que praticavam exercícios na academia, acabaram desistindo mais rapidamente, pois alegavam que sempre havia uma desculpa para não ir à academia.
Realmente faz sentido os resultados do estudo acima. Observamos as vantagens de se fazer exercícios em casa ou no escritório:

 

1. Sua academia estará aberta 7 dias por semana, 24 horas por dia e 365 dias por ano;

2. Você não precisa revezar os aparelhos com outro aluno;

3. Você não precisa se deslocar até a academia;

4. Você determina quem poderá malhar com você;

5. Não há música ruim. Você ouve o que quiser, na hora e no volume que quiser;

6. Você pode treinar com a roupa que se sentir bem. Não preocupando-se se está em forma ou não;

7. Tendo a orientação de profissionais adequados você poderá recorrer sempre que quiser a esses profissionais. Na academia observa-se um número muito grande de pessoas que não pedem ajuda por vergonha ou por não ter acesso constante a esses profissionais;

8. O dinheiro que você economizará com a matrícula e mensalidades poderá ser usado para incrementar sua dieta ou comprar equipamentos para montar sua mini academia.
Com um programa personalizado e boa orientação de um Profissional de Educação Física, cria-se uma rotina de exercícios que funciona de acordo com a expectativa de cada um. Pode ser mais eficaz porque são estabelecidas séries de exercícios menos puxados (a intensidade é aumentada gradualmente), que acabam mostrando resultados duradouros.

Por não se ver obrigada a acompanhar o ritmo do colega em uma aula, a aluna descobre o seu potencial e passa a não encarar a ginástica como sacrifício. É mais fácil descobrir o prazer de se exercitar. Teoricamente os resultados das academias aparecem antes, porque o ritmo das aulas é acelerado, mas muitas vezes não é adequado às suas necessidades e prioridades físicas.
É possível encontrar uma forma de tornar o exercício atraente quando se exercita em casa: determinar um horário, estabelecer metas, ouvir música, ler sobre exercícios, assistir vídeos de aulas. E, nesse caso, a desistência é menor.

Com um programa específico, elaborado por um professor de educação física e por uma nutricionista (elaboração do Programa Alimentar), é possível emagrecer se exercitando em casa.

Vale a pena investir na ideia, por isso monte a sua academia aos poucos:
1- Inicie sem nenhum equipamento para adquirir o hábito: você pode começar com pesos feitos com garrafa Pet´s e pesados (1 kg, 2Kg e 3 Kg), toalhas para servirem de colchonetes, elásticos cirúrgicos (são baratos e facilmente comprados em lojas de materiais hospitalares). Tomou gosto e agora quer investir um pouco mais na ideia: halteres, colchonetes, anilhas e caneleiras.

2- Comprou a ideia? Invista aos poucos: para quem quer investir um pouco mais e aderiu totalmente a ideia: aparelhos mais funcionais. É sempre interessante ter um aparelho aeróbico. As opções são muitas: esteiras, bicicletas ergométricas, elípticos, steps.

3- Investindo na sua saúde: para a musculação, os bancos multi-exercícios são excelentes opções porque permitem que você realize exercícios variados, trabalhando diferentes grupamentos musculares, com a vantagem de ocupar pouco espaço.

4- Espaço necessário: isto é bastante importante. Antes de comprar qualquer equipamento, você deve saber qual o espaço que você dispõe para ele. Além disso, você deve contabilizar as extensões de pernas e braços que ocorrem durante a execução do exercício.

5- Planeje seu treinamento: estabeleça uma rotina de treinamento e tente malhar sempre no mesmo horário. Respeitar o tempo de descanso é importante para a sua reconstrução muscular. Não invente desculpas, não atenda o telefone e nem deixe qualquer outra coisa atrapalhar seu treinamento. Você deve estar 100% focado nos exercícios e, em casa, as distrações são bem tentadoras. Treine com seriedade, use tênis, roupas adequada. Siga as orientações do profissional de Educação Física que planejou o seu programa de exercícios. Lembre-se que o planejamento de seus exercícios (periodização) é elaborado especificamente para o seu nível de condicionamento físico e todo o plano de exercícios é baseado estudos sobre sua saúde e condição física.
Coloque os exercícios na sua rotina. Você ganhará mais saúde, um corpo em forma e muita autoestima!

 

Bons treinos!

Deixe uma pergunta:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dra Ritz - © 2015 - Todos os direitos reservados.