Dicas de Alimentação para Ciclismo

O ciclismo é uma modalidade praticada por muitas pessoas atualmente, com muito gasto de energia devido aos treinos e provas intensas e de longa duração.

Para garantir um bom rendimento é de extrema importância para o atleta garantir a recuperação nutricional e hídrica. Uma hidratação adequada é imprescindível para um bom desempenho em provas e treino. Além disso, a ingestão correta de carboidratos é muito importante, pois são eles que vão fornecer energia e garantir o estoque de energia para o músculo – glicogênio muscular.

Antes do treino

É indicado uma dieta rica em carboidratos de 8 a 10g por quilograma de peso, nas 72hs que precedem a competição. Para que o atleta não tenha um desconforto gástrico é indicada uma refeição de 2 a 3 horas antes da prova. E uma hora antes da prova, ingerir bebidas esportivas, barras energéticas ou lanches rápidos energéticos. Fontes de carboidratos: cereais, frutas, massas e tubérculos.

Durante o treino

Para o atleta que treina mais de 1 hora é indicado a ingestão de alimentos e bebidas ricas em carboidratos em intervalos de 30 minutos. O atleta deve levar consigo ou na bicicleta géis de carboidratos, bebidas isotônicas e/ou barras energéticas.

Depois do treino

Até1 hora depois da conclusão do treino, deve-se consumir carboidratos com alto índice glicemico. Até 3 horas após a finalização do treino, deve-se consumir uma refeição com carboidratos de baixo índice glicemico, preferencialmente vegetais e proteínas. Os líquidos ingeridos pelo atleta irão depender da intensidade do treino, temperatura ambiente e característica do mesmo.

Outras indicações importantes

O monitoramento do peso do atleta antes e depois da competição, assim como dos treinos, é fundamental para se conhecer a taxa de perda de fluidos. Sendo assim, após a competição o ciclista deve ingerir em líquido o equivalente a 150% do peso perdido.

O atleta que tem treinos e competições que começam muito cedo não pode iniciar a prova em jejum. No dia anterior, sua ultima refeição deve ser rica em carboidratos, pobre em gorduras e moderada em proteínas. E sua primeira refeição deve ser de cereais, frutas e pães.

Durante a competição ou treino na estrada, o atleta deve verificar se as garrafas na bicicleta estão cheias ou saber quando encontrará a equipe de apoio para uma reposição. A equipe de apoio deve planejar o abastecimento de alimentos durante a competição, priorizando os de fonte de carboidratos.

Cada atleta tem sua necessidade específica e, assim, as quantidades de carboidratos, proteínas e gorduras diferem umas das outras. O profissional habilitado observará as necessidades do atleta e definirá um plano próprio  de alimentação e com isso obterá um resultado mais satisfatório para o praticante de ciclismo.

Deixe uma pergunta:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dra Ritz - © 2015 - Todos os direitos reservados.