Salsicha – Descubra o que ela contém para nunca mais comer

Salsicha – tantos adultos comem e pior… tantas crianças são ensinadas a comer.

Você sabia que ela é composta por uma mistura do que tem de pior do refugo dos matadouros?

 

appetizing pork sausages

 

Por exemplo: tendões, nervuras, pele, sangue, cartilagem e ligamentos, carne presente no crânio, vísceras de animais que foram criados em confinamento à base de ração, tudo muito fervido e cozido, moído e transformado em uma pasta homogênea (“emulsão de carne”), submetida a um processo de extrusão (extrusão é como forçar o “produto” por uma peneira sob altíssima pressão para tornar as partículas bem pequenas).

Em seguida adiciona-se uma série de substâncias químicas com o propósito de dar ao produto seu sabor característico (você nunca encontrará uma carne de verdade com o sabor de salsicha, já parou para pensar?), além de substâncias com o propósito de dar “liga”, conservar, corar, aromatizar, etc, para finalmente dar ao produto a forma de salsicha.

 

5

 

Bem natural e saudável, certo?

Vamos refletir juntos:

Você acha que “é legal” oferecer salsicha para as suas crianças?

Você acha que é benéfico oferecer salsicha no cardápio das escolas?

Você acha que é válido promover a lavagem cerebral nas crianças, bombardeando-as com cachorros quentes, além de refrigerantes, sucos industrializados, “nuggets” de frango, “pão francês”, balas e pirulitos, condicionando-as até mesmo a associar esses produtos a celebrações, como aniversários e comemorações, dias felizes com a família, feriados, viagens e premiacões por bom comportamento?

 

3

 

É aceitável expor as crianças a propagandas desses “produtos alimentícios” associados aos personagens favoritos dos filmes, gibis e videogames?

É prudente encorajar na criança uma relação emocional tão forte com esses produtos?

 

6

 

Estamos vivendo um momento no qual as taxas de obesidade, câncer e outras doenças degenerativas nunca estiveram tão altas e prevalentes em idades cada vez mais precoces.

As crianças são imensamente influenciáveis, e neste momento muitas se encontram constantemente expostas ao marketing de imagem positiva de “produtos alimentícios” industrializados, como a terrível salsicha.

Uma vez viciadas nesses produtos, a imensa maioria continuará a consumi-los AINDA QUE, posteriormente, seja revelado e explicado a elas os processos, ingredientes nocivos e consequências nocivas à saúde e ao meio ambiente, associadas ao consumo desses produtos.

 

4

 

Felizmente, algumas pessoas e instituições começaram a se dar conta do malefício do marketing e consumo de “produtos alimentícios” industrializados, especialmente em seres humanos em fase de crescimento e desenvolvimento.

Assim, quem sabe, conseguimos criar uma próxima geração mais saudável, consciente e bem informada sobre a própria alimentação e saúde.

Você também pode ajudar, dando o exemplo e informando seus entes queridos.

 

Comments
  1. Max_Cady
    • Joker
    • laura

Deixe uma pergunta:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dra Ritz - © 2015 - Todos os direitos reservados.