Spirulina: um Alimento Altamente Nutritivo

Talvez você não tenha ainda escutado falar sobre este “pó” repleto de nutrientes. Mas, a partir deste artigo, saberá sobre os benefícios da spirulina para a saúde e como incorporá-la em sua rotina diária.

 

A spirulina é um tipo de alga azul-verde que cresce tanto em água doce quanto salgada.

 

Uma colher de sopa (7 gramas) de spirulina em pó contém:

Proteína: 4 gramas

Vitamina B1 (tiamina): 11% da RDA

Vitamina B2 (Riboflavina): 15% da RDA

Vitamina B3 (niacina): 4% da RDA

Cobre: 21% da RDA

Ferro: 11% da RDA

(RDA= porção diária recomendada)

 

Ela também contém uma boa quantidade de magnésio, potássio e manganês, e pequenas quantidades de quase todos os outros nutrientes que o nosso corpo precisa. Ainda melhor: apenas 20 calorias e 1,7g de carboidratos de fácil digestão.

Entre muitos antioxidantes, que podem proteger contra danos oxidativos, o principal componente ativo é chamado ficocianina, que dá à spirulina sua cor azul-verde original.

 

A ficocianina pode combater radicais livres e inibir a produção de moléculas inflamatórias. Em outras palavras, pode proporcionar efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios.

 

Os antioxidantes na spirulina também são eficazes para reduzir a peroxidação lipídica, conhecida por ser um componente essencial de muitas doenças graves, tais como a doença cardíaca.

 

Propriedades anticâncer

Pesquisas recentes apontam a spirulina como um insumo que contem propriedades anticâncer. Por exemplo, alguns estudos em animais mostram que ela pode reduzir a ocorrência do câncer e o tamanho do tumor.1,2

 

Um estudo analisou os efeitos da spirulina em 87 pessoas da Índia com lesões pré-cancerosas na boca, chamadas FSO (fibrose submucosa oral). Após usar 1g/dia, durante um ano, 45% do grupo de spirulina apresentou uma regressão completa das lesões na boca, em comparação com apenas 7% no grupo controle.3Ao parar de tomar a spirulina, quase metade do grupo que apresentou regressão completa desenvolveu as lesões novamente no ano seguinte.

 

Em outro estudo com 40 pacientes com lesões pré-cancerosas FSO, 1g de spirulina por dia levou a uma maior melhora nos sintomas, em comparação com o medicamento Pentoxifilina.4

 

Redução da pressão arterial

O instituto nacional de saúde americano (National Institutes of Health – NIH) destacou um estudo mostrando que os participantes com níveis de pressão arterial mais baixos do que o recomendado vivem mais e têm menos incidência de doenças cardiovasculares.

 

Uma dose de 4,5g por dia de spirulina mostrou reduzir os níveis da pressão arterial em indivíduos com níveis normais.5,6 Provavelmente, devido a um aumento da produção de óxido nítrico, uma molécula de sinalização que ajuda no relaxamento e dilatação dos vasos sanguíneos. Aspecto importante da spirulina, desde que a pressão arterial elevada é um biomarcador chave de muitas doenças mortais, como ataques cardíacos, derrames e doença renal crônica.

 

Controle do açúcar no sangue

Controlar o nível de açúcar (glicose) no sangue é muito importante para a sua saúde. Muito alto ou muito baixo pode levar a sérios problemas de saúde. Estudos têm mostrado que a spirulina pode melhorar essa situação significantemente. Em alguns casos, ela mostrou um melhor desempenho quando comparado com medicamentos populares para diabetes, incluindo metformina.7-9

 

Em outro estudo com 25 pacientes com diabetes tipo 2, dois gramas de spirulina levou a uma impressionante redução nos níveis de açúcar no sangue.10 HbA1c, um marcador para os níveis de açúcar no sangue de longo prazo, diminuiu de 9% para 8%, o que é considerável. Estudos estimam que uma redução de 1% no marcador pode diminuir o risco de morte relacionada com o diabetes em 21%.11

 

Aqui estão mais algumas razões por que a spirulina é considerada uma potência nutricional:

• É uma das mais conhecidas fontes de ácido gama-linolênico (GLA, um ácido graxo importante para o coração e articulações).

• Contém outros ácidos graxos essenciais, incluindo os sulfolipídios, que podem proteger contra a infecção por HIV de células T auxiliares.

• Tem compostos de metalotioneína (proteínas combinadas com metais que ligam os isótopos radioativos pesados).

•  Rico teor de proteína: 50% a 70% de proteína por peso. (Melhor do que a carne vermelha, que corresponde a 27%).

•  Contém todos os aminoácidos essenciais e 10 dos 12 aminoácidos não essenciais, juntamente com uma matriz potente de outros nutrientes benéficos.

•  Em comparação ao leite, a spirulina tem aproximadamente a mesma quantidade de cálcio, fósforo e magnésio. Em comparação ao gérmen de trigo, possui equiparável nível da vitamina E (tocoferol), e quatro vezes mais vitamina B12 do que fígado cru. * Para fins de suplementação de vitamina B12, consulte seu médico ou nutricionista.

 

Essa alga azul-verde também pode beneficiar uma ampla gama de condições, desde envenenamento por arsênico a alergias. De acordo com um estudo, os pacientes tratados com spirulina relataram alívio dos sintomas comumente associados à rinite alérgica, tais como corrimento nasal, congestão, espirros e coceira.

 

Existem muitos tipos de spirulina no comércio, por isso é importante se certificar sobre sua proveniência, e se está comprando uma forma pura.  Desde que a spirulina cresce em um ambiente não controlado, isso oferece o potencial para se tornar contaminada com metais pesados e outras toxinas, e, portanto, é importante escolher uma de fonte respeitável.

Deixe uma pergunta:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dra Ritz - © 2015 - Todos os direitos reservados.